Conecte-se Conosco

Esportes

A obsessão é verde! Palmeiras vence o Santos e conquista o bi da Libertadores

Breno Lopes marca aos 53 do segundo tempo e vira o improvável herói da conquista alviverde no Maracanã.

Publicado

em

Foto: André Durão Staff Images/Conmebol

Aos 53 minutos do segundo tempo, quando a bola cruzou o ar do Maracanã, encontrou a cabeça do atacante Breno Lopes e foi descansar no fundo da rede do Santos, valeu a pena cada uma daquelas vezes em que o torcedor do Palmeiras disse aos amigos, gritou aos jogadores, sussurrou para si mesmo: “A Taça Libertadores é obsessão”.

Neste sábado, o título tão desejado desde 1999, tão pedido nestes últimos anos, deixou de ser ambição para se tornar realidade: o Palmeiras é bicampeão da América. O gol da vitória por 1 a 0 nasceu quase no fim, logo após confusão entre Cuca e Marcos Rocha à beira do campo, e saiu da cabeça de um jogador improvável, quase desconhecido, chegado ao clube há menos de três meses – e, desde já, eternizado.

Primeiro tempo

A escalação do Santos, com Sandry reforçando o meio (e Lucas Braga no banco), indicava um time mais retraído. Mas não foi o que mostraram os minutos iniciais da partida. O time de Cuca começou com mais posse, tentou conquistar o terreno adversário e teve a primeira finalização – em chute cruzado de Pará. O Palmeiras, porém, logo conseguiu reagir: amarelou Lucas Veríssimo, chegou bem com Rony, ameaçou em cabeceio de Gómez.

O jogo ficou pegado, com divididas duras, e se concentrou em disputas pelo meio, com eventuais arrancadas pelos lados. As marcações se sobressaíram: Marinho e Soteldo tiveram dificuldades; Rony e Luiz Adriano também. As chances de gol foram raras. Aos 36, Marcos Rocha avançou bem e acionou Raphael Veiga na área. O chute foi para fora. Três minutos depois, faltou pouco para Marinho aproveitar cruzamento e abrir o placar.

Segundo tempo

O Palmeiras voltou para o segundo tempo mais incisivo. Parecia disposto a tomar o jogo para si, a decidir os rumos da partida. Concentrou-se no campo de ataque, cercou a área adversária e ameaçou em cruzamento de Gabriel Menino para Rony. O Santos respondeu. Em cobrança de falta, Soteldo rolou, Marinho cruzou e Lucas Veríssimo, na segunda trave, desviou para fora – na melhor chance do duelo até então. A reação alviverde saiu em cobrança de falta de Raphael Veiga, que quase surpreendeu o goleiro John.

O jogo seguiu equilibrado, e os treinadores começaram a mover suas peças. No Santos, saiu Sandry e entrou Lucas Braga; no Palmeiras, saiu Zé Rafael e entrou Patrick de Paula. Quem mais se aproximou do gol foi o Peixe. Diego Pituca mandou uma pancada, Weverton espalmou e Felipe Jonatan, no rebote, emendou forte chute para fora. Conforme passava o tempo, mais os times demonstravam cansaço, e menos iminente parecia o gol.

Kaio Jorge, aos 44, tentou uma bicicleta – defendida sem sustos por Weverton. O jogo parecia encerrado, à espera da prorrogação, e aí o inesperado aconteceu. Cuca e Marcos Rocha se estranharam na beira do campo para pegar uma bola que saiu pela lateral, e o treinador foi expulso. Ele pulou a mureta e se juntou ao público na arquibancada. De lá, viu o Palmeiras ser campeão. Aos 53 do segundo tempo, Rony cruzou, e Breno Lopes, o herói improvável, fez o inesquecível gol que tornou o Palmeiras campeão.

A confusão

O segundo tempo parecia acabado, pronto para a prorrogação, e de repente pegou fogo. Uma bola saiu pela lateral, Cuca foi pegar, Marcos Rocha também, e os dois se enroscaram. O treinador acabou expulso. Pulou a mureta, foi para a arquibancada e, de lá, viu o Palmeiras fazer o gol do título.

O craque da Libertadores
“Hoje, não consegui ser o Marinho”, disse o atacante do Santos depois do jogo. De fato, ele não encontrou forma de se destacar na grande final. Foi muito bem marcado pelo Palmeiras. Mesmo assim, foi eleito o craque da Libertadores.

Mundial
O Mundial de Clubes começa já nesta quinta-feira. Às 11h, o Tigres, do México, enfrenta o Ulsan, da Coreia do Sul, e o vencedor será o adversário do Palmeiras nas semifinais, domingo, dia 07/02, às 15h. O outro jogo das quartas de final, também na quinta, reúne o Al Duhail, do Catar, e o Al Ahly, do Egito. Quem vencer, pega o Bayern de Munique nas semifinais, segunda-feira. Clique aqui e veja a tabela.

Dinheiro na conta
Além do título, o campeão comemora a chegada de um bom dinheiro. No total, o Palmeiras lucrou US$ 22,55 milhões (R$ 123,5 milhões) por toda a caminhada na Libertadores, sendo US$ 15 milhões (R$ 82 milhões) pelo título. Já o Santos embolsou US$ 13,55 milhões (R$ 74 milhões) no total, com US$ 6 milhões (R$ 33 milhões) pelo vice.

Com público
Os cerca de 2,5 mil convidados para a final da Libertadores ficaram concentrados no setor oeste inferior do Maracanã. Em meio à pandemia do novo coronavírus, com mais de 220 mil mortos, houve aglomeração no estádio. Foi possível ver, em diferentes momentos, pessoas tirando as máscaras. A Conmebol disse que todos os convidados fizeram testes para Covid antes da partida.

Fonte: https://globoesporte.globo.com/

Comentários

Esportes

CBF sorteia os confrontos da primeira fase da Copa do Brasil 2021.

Oitenta times começam a disputa a partir do dia 10 de março. Confira os 40 jogos iniciais.

Publicado

em

Fotos: Reprodução e Thais Magalhães/CBF

A Confederação Brasileira de Futebol sorteou nesta terça-feira os confrontos da primeira fase da Copa do Brasil 2021. A etapa inicial tem 80 equipes divididas em dez potes.

A CBF reservou os dias 10 e 17 de março para realizar as partidas da primeira fase, que serão disputadas em jogo único. O mando de campo pertence aos clubes com pior ranking da CBF, separados nos potes E, F, G e H. Os visitantes, por sua vez, têm a vantagem do empate.

Confira todos os duelos sorteados:

Chave 1:

Treze-PB x America-MG
Porto Velho-RO x Ferroviário-CE
Sergipe-SE x Cuiabá-MT
4 de Julho-PI x Confiança-SE

Chave 2:

Moto Club-MA x Botafogo-RJ
Rio Branco-ES x ABC-RN
Guarany de Sobral-CE x CSA
Esportivo-RS x Remo-PA

Chave 3:

Campinense-PB x Bahia-BA
Jaraguá-GO x Manaus-AM
Gama-DF x Ponte Preta-SP
Marília-SP x Criciúma-SC

Chave 4:

Boavista-RJ x Goiás-GO
Picos-PI x Atlético-AC
Palmas-TO x Avaí-SC
Cascavel-PR x Figueirense-SC

Chave 5:

Juazeirense-BA x Sport-PE
Castanhal-PA x Volta Redonda-RJ
Murici-AL x Juventude-RS
Atlético-BA x Vila Nova-GO

Chave 6:

Galvez-AC x Atlético-GO
Santa Cruz-RS x Joinville-SC
Águia Negra-MS x Vitória-BA
Rio Branco-ES x Sampaio Corrêa-MA

Chave 7:

Salgueiro-PE x Corinthians-SP
Retrô-PE x Brusque-SC
Goianésia-GO x CRB-AL
Madureira-RJ x Paysandu-PA

Chave 8:

Caldense-MG x Vasco-RJ
Nova Mutum-MT x Tombense-MG
Cianorte-PR x Paraná-PR
Ypiranga-AP x Santa Cruz-PE

Chave 9:

Caxias-RS x Fortaleza-CE
Peñarol-AM x Ypiranga-RS
Mirassol-SP x Bragantino-SP
Uberlândia-MG x Luverdense-MT

Chave 10:

São Raimundo-RR x Cruzeiro-MG
Real Brasília-DF x América-RN
União Rondonópolis-MT x Coritiba-PR
Juventude-MA x Operário-PR

Fonte: https://globoesporte.globo.com/

Comentários
Continue lendo

Esportes

É campeão! Flamengo perde, conta com tropeço do Internacional e celebra o título brasileiro

São Paulo venceu por 2 x 1, e festejou vaga na fase de grupos da Libertadores.

Publicado

em

Foto: Marcos Ribolli

O Morumbi terminou com festa em dobro nesta quinta-feira, pela última rodada do Campeonato Brasileiro. O São Paulo venceu por 2 a 1, garantiu sua vaga na fase de grupos da Libertadores, mas a comemoração no gramado ficou por conta do Flamengo, campeão brasileiro de 2020, repetindo a conquista de 2019, mas desta vez com muito mais sufoco. Os jogadores do clube carioca acompanharam por telefones celulares os minutos finais do empate entre Internacional e Corinthians em 0 a 0 em Porto Alegre e explodiram ao serem informados do fim do jogo.

O começo do drama
O Flamengo entrou em campo com a missão de conquistar uma vitória para não depender de outros resultados na busca pelo título. O São Paulo também precisava vencer para se garantir na fase de grupos da Libertadores. O domínio do Flamengo no primeiro tempo não foi suficiente para criar chances claras. Em sua única finalização nos 45 minutos iniciais, o São Paulo fez 1 a 0, em cobrança de falta de Luciano, que contou com a colaboração de Hugo Souza.

Em Porto Alegre, no primeiro tempo, a arbitragem já havia anulado um pênalti e um gol do Internacional com o auxílio do VAR, deixando o Flamengo ainda na primeira colocação.

Nova falha de Hugo
A aposta do Flamengo seguiu nas jogadas de bola parada. Em uma delas, empatou logo no começo do segundo tempo. Gustavo Henrique escorou para Bruno Henrique empatar. No entanto, o São Paulo voltou a ficar na frente do placar aos 13 minutos, quando Hugo Souza chutou mal para frente, Daniel Alves dominou e tocou para Pablo marcar.

Gabigol saiu machucado, substituído por Pedro. Depois, Gomes e Matheuzinho entraram nos lugares de Diego e Isla. Nada aconteceu no Flamengo. O São Paulo conseguiu controlar o jogo com tranquilidade e não permitiu grandes chances ao adversário, segurou bem a vitória e garantiu a conquista de seu objetivo, pelo menos, nesse jogo.

Sofrimento depois do apito final
Ao Flamengo, restou torcer pelo Corinthians. As cenas dos jogadores no banco acompanhando o jogo contra o Internacional mostraram que não havia capacidade de reação em campo. O sofrimento continuou até depois do apito final.

Já com o jogo no Morumbi encerrado, o Internacional teve mais um gol anulado por impedimento de Edenílson nos últimos minutos. Em campo, assistindo ao jogo por aparelhos de telefone celular, os jogadores do Flamengo iniciaram a festa assim que aconteceu o apito final em Porto Alegre. Festa do campeão brasileiro de 2020.

Rogerio Ceni é celebrado no Morumbi – Foto: Alex Silva/Estadão Conteúdo

Calvário e título
Ídolo do São Paulo, o ex-goleiro Rogério Ceni nunca venceu o ex-clube no cargo de treinador. O confronto desta quinta-feira foi o oitavo, com seis derrotas e dois empates, incluindo duas eliminações da Copa do Brasil de 2020, comandando Fortaleza e Flamengo. Desta vez, no entanto, saiu de campo campeão no estádio onde brilhou por 20 anos.

Campeões em sequência
Com as conquistas de 2019 e 2020, o Flamengo atual igualou o feito do Flamengo dos anos 80, campeão em 1982 e 1983, quando contou o atacante Nunes em seu elenco. O ex-jogador foi o responsável por entregar a taça de campeão nesta quinta-feira.

Na era dos pontos corridos, desde 2003, apenas São Paulo (2006, 2007 e 2008) e Cruzeiro (2013 e 2014) haviam sido campeões em anos seguidos.

Fonte: https://globoesporte.globo.com/sp

Comentários
Continue lendo

Esportes

Pro Tork confirmada na disputa do brasileiro de Enduro

Bottrel, Lolo Anton e Zerbatto encaram abertura da temporada, neste fim de semana, em Itapema-SC.

Publicado

em

Foto: Reprodução

A Pro Tork Racing Team está confirmada na disputa do Campeonato Brasileiro de Enduro FIM 2021, que tem início neste fim de semana, dias 27 e 28 de fevereiro, na cidade de Itapema (SC). Romulo Bottrel, Lolo Anton e Matheus Zerbatto vão em busca de bons resultados para a equipe nas duas primeiras etapas do ano.

Romulo irá correr na E2, na qual já foi campeão no ano de 2013. Lolo também irá trocar de categoria, indo para a E1. Ambos são experientes e estão confiantes na briga pelos títulos. Matheus vem do velocross e do motocross e irá fazer uma participação especial na classe E4 Amador.

O percurso será de aproximadamente 45 quilômetros, no qual os participantes darão três voltas por dia. Nele, irão encarar dois Enduro Teste, um em pasto e terreno arenoso, incluindo trechos de reflorestamento de pinus, e outro com vista para o mar, com muitas subidas. Por fim, um Cross Teste ao estilo das provas de cross country.

A exemplo dos cuidados adotados em 2020, os quais possibilitaram a plena realização do campeonato em época de pandemia, os protocolos de prevenção ao coronavírus serão rigorosamente seguidos em todas as disputas. O calendário inclui sete provas, totalizando 14 etapas para definir os campeões de 2021.

Os pilotos Pro Tork têm o apoio da NOS Energy Drink e Sportbay.

Fonte: https://npdiario.com/

Comentários
Continue lendo

Mais Lidas